Mato Grosso, Quinta-Feira, 21 de Novembro de 2019
Logo Só Informação
Informe Publicitário
FRANÇA

França diz que oito vereadores extorquiam João Emanuel

Marcia Jordan

23/04/2014 às 10:27

França diz que oito vereadores extorquiam João Emanuel

O vereador João Emanuel (PSD), que se recupera de uma intoxicação alimentar – comeu muito chocolate na páscoa – aguarda uma decisão da Câmara Municipal de Cuiabá sobre a sua possível cassação política. E já avisou que se cair não vai embora do legislativo municipal sozinho. Ameaça levar consigo pelo menos oito vereadores que o estariam extorquindo, além do presidente da casa, vereador Júlio Pinheiro (PTB), que vem sendo acusado de má gestão em sua administração anterior.  

Na terça-feira em seu programa “Resumo do Dia”, o ex-prefeito de Cuiabá, Roberto França disse que a polêmica envolvendo a possível cassação de João Emanuel promete ter desdobramentos escandalosos na Câmara Municipal e varrer para fora do tapete toda a sujeira que circula no parlamento municipal.

Segundo França existem documentos que comprovam o envolvimento de oito vereadores, a maioria instalados em cargos chaves de CPIs que estariam extorquindo João Emanuel. Ele não citou nomes, mas assegurou ter cópias do documento que mostra a extorsão e que está nas mãos do sogro de João Emanuel, o deputado estadual José Geraldo Riva, principal líder do PSD em Mato Grosso.  

Ao comentar o assunto em sue programa, Roberto França disse que pessoas ligadas a João Emanuel e Riva estariam prontas para encaminhar já nesta semana a farta documentação para o Ministério Público Estadual.   Pouco antes do programa ir ao ar, o próprio deputado José Geraldo Riva ao ser indagado sobre a situação política de seu sogro, foi enfático ao afirmar que é verdade o caso de extorsão por parte de oito vereadores.

Disse ainda que cabe a seu genro, João Emanuel, ir a público de citar cada um dos nomes para a população cuiabana saber quem é quem no legislativo municipal. Segundo ele, a extorsão vem desde 2013, quando João Emanuel se elegeu presidente do legislativo.   Riva ainda mandou um recado para os vereadores. “Não sou eu quem devo denunciar quem vem fazendo extorsão. Mas se quiserem me chamar para falar na Câmara Municipal estaria à disposição para ir a qualquer hora e dia para falar tudo sobre esta podridão”, assegurou.  

Em seu programa, Roberto França ainda acusou que vários vereadores se posam de “moralistas”, que arrotam “honestidade”, que na verdade gostam de buscar dinheiro por “baixo do pano” e que “muita água vai passar embaixo da ponte até que seja cheiro podre seja desvendado”. 

Fonte 24 horas news