Mato Grosso, Sábado, 14 de Dezembro de 2019
Logo Só Informação
Informe Publicitário
ARENA

Arena Pantanal é um dos melhores estádios da Copa

Marcia Jordan

01/07/2014 às 09:43

Arena Pantanal é um dos melhores estádios da Copa

Arena Pantanal é considerada um dos melhores estádios das cidades-sedes da Copa do Mundo de 2014. Uma pesquisa realizada por um site de notícias nacional questionou torcedores a respeito do que acharam dos estádios brasileiros.

Com notas variando de 0 a 10, a Arena obteve média de 9,3 pontos. No final da tarde de ontem, ocupava o 3º lugar.

Os resultados mudam de acordo com o andamento da votação. Para cuiabanos que assistiram as partidas no local, o estádio foi uma surpresa e motivo de encantamento. Após o último jogo realizado no dia 24 de junho, entre Colômbia e Japão, a preocupação é com o futuro da Arena Pantanal.

Presidente da Federação Mato-grossense de Futebol vê o estádio como uma esperança para alavancar o esporte no Estado, caso haja mobilização para isso.A avaliação dos estádios da Copa foi divulgada pelo site UOL nesta segunda-feira (30).

Nela, um ranking com 12 posições mostra as notas alcançadas pelas arenas construídas ou reformadas para o Mundial. Entre os quesitos de maior índice obtidos pela Arena Pantanal estão a segurança e o trabalho dos voluntários, com 9,9. Bacharel em Direito e estudante de Economia, Ana Carolina Alves de Almeida, 25, assistiu a 2 jogos na companhia de amigos canadenses. Ela conta que deixaram o veículo estacionado longe do estádio e quando voltaram se surpreenderam por nada ter acontecido. “Como brasileira, eu estava bem mais cética e crítica em relação à Copa. Já eles vieram animados. Nós ficamos muito contentes, porque não esperávamos que seria tão bom. Por tudo o que eles ouviram da cidade, ter ido à Arena foi ótimo”.

Apesar de ter gostado da experiência, a publicitária Taciana Lazzaroto, 24, diz que o “retorno à realidade” depois de sair do estádio foi ruim. Junto aos amigos, familiares e namorado, ela também assistiu 2 partidas, entre elas, a disputa entre Colômbia e Japão, último jogo em Cuiabá. “Lá dentro é tudo tão bonito, mas quando você sai e passa, por exemplo, pelo córrego 8 de Abril dá uma tristeza ver tudo daquele jeito”.De acordo com o novo presidente da Federação Mato-grossense de Futebol, Helmute Lawisch, com 3 clubes da região disputando campeonatos brasileiros, a Arena tem tudo para ser o palco do futebol do Estado. Segundo ele, além de tentar trazer jogos da série A para Cuiabá, é importante manter o estádio sob administração pública. “Sou radicalmente contra a concessão da Arena neste momento. Ela foi construída com dinheiro público e temos que primeiramente entender qual o seu real custo”.

Fonte GD