Mato Grosso, Segunda-Feira, 21 de Junho de 2021
Logo Só Informação
Informe Publicitário
VILA

Vila Nova atropela Luverdense e abre vantagem por vaga na Copa Verde

Marcia Jordan

11/03/2016 às 07:40

Vila Nova atropela Luverdense e abre vantagem por vaga na Copa Verde

LECXVILAFoi um atropelo total! O Vila Nova passou por cima do Luverdense nesta quinta-feira, goleou por 4 a 0 e abriu ampla vantagem por uma vaga nas quartas de final da Copa Verde. Os gols foram marcados todos no primeiro tempo com Luís Fernando, Dudu, Zotti e Anderson. A partida foi disputada no Serra Dourada, válida pela ida das oitavas de final.

O novo treinador do Tigre, Leandro Niehues, teve ter gostado do que viu das arquibancadas do estádio. Depois de um primeiro tempo impecável, o Tigre administrou o resultado no segundo e pouco viu o Luverdense assustar. O time mato-grossense nem de longe repetiu as boas atuações que vinha tendo no Campeonato Mato-Grossense.

Os times voltam a se enfrentar na próxima quinta-feira, no estádio Passo das Emas, em Lucas do Rio Verde, às 21h30 (de Brasília). O Vila Nova pode até perder por três gols de diferença para avançar. Ao Luverdense resta vencer por cinco gols de vantagem para conquistar a vaga.

O primeiro tempo foi um passeio completo do Vila Nova. Nos primeiros quinze minutos, o Tigre fez uma blitz e abriu 2 a 0 logo no começo. Aos 7, Luís Fernando recebeu ótima bola de Dudu e bateu colocado no canto esquerdo do goleiro Gabriel para abrir o placar. Com 12, Patrick fez boa jogada pela ponta esquerda e achou Dudu na área; o meia recebeu o cruzamento e, livre, bateu de perna direita para ampliar.

Depois de sofrer os gols, o time mato-grossense não demonstrou poder nenhum de reação e pouco chegou ao gol do Vila. Aos 41, o Tigre marcou o terceiro após chute certeiro de Zotti. Antes do apito final da primeira etapa, Robston desviou cruzamento e Anderson apareceu para marcar de cabeça.

Na segunda etapa, o Verdão do Norte voltou mais ligado e desperdiçou duas boas chances com Alfredo. Na primeira, aos 12, ele aproveitou presente de Robston, ganhou na corrida da zaga, mas chutou por cima quando já estava cara a cara com o goleiro. Quatro minutos depois, Alfredo acertou a trave após cabeçada firme. A primeira chance do Vila só saiu aos 21: Frontini bateu de primeira e assustou a meta de Gabriel Leite. Depois disso, o jogo caiu de produção até mais uma bola na trave de Alfredo, já no final.

 

 

 

 

 

 

Fonte globo esporte