Mato Grosso, Quarta-Feira, 16 de Junho de 2021
Logo Só Informação
Informe Publicitário
LOBISTA,

Lobista, ex-prefeito, ex-deputado e mais 14 são denunciados na 4ª fase da Sodoma

Marcia Jordan

25/04/2016 às 18:33

Lobista, ex-prefeito, ex-deputado e mais 14 são denunciados na 4ª fase da Sodoma

5aefc7412d3b6c06f515545cd49bee12Na denúncia originária da quarta fase da “Operação Sodoma”, são apontadas 17 pessoas por suspeita de participação na suposta organização criminosa descoberta durante as investigações relacionadas a “Operação Sodoma”. Além dos atuais cinco presos no centro de custódia de Cuiabá, a promotora Ana Bardusco detectou a presença de outros personagens conforme documento.

Neste caso, aparecem como denunciados o ex-prefeito de Várzea Grande, Wallace Santos Guimarães (PMDB); o empresário Tiago Vieira de Souza Dorileo; e ainda o ex-presidente da Assmebleia Legislativa, José Geraldo Riva (PSD). A quarta fase da operação foi deflagrada na manhã de hoje com a prisão do médico Rodrigo da Cunha Barbosa, filho do ex-governador Silval Barbosa (PMDB).

A promotora Ana Bardusco cita que as investigações tiveram início com a colaboração premiada do empresário João Batista da Rosa, dono do grupo Tractor Parks, que assumiu ter sido obrigado a pagar R$ 2,595 milhões por meio de extorsão por parte de agentes públicos. Ao todo, o empresário emitiu 246 cheques.

Em seguida, houve a descoberta do negócio envolvendo terrenos em Cuiabá em áreas valorizadas que teriam sido compradas por ex-secretários de Silval Barbosa por R$ 13 milhões arrecadados através de propina. “Pois bem, na trilha de identificação da destinação dada ao dinheiro entregue pelo empresário à organização criminosa foram localizados pagamentos pela aquisição de áreas urbanas, nesta capital, que totalizam aproximadamente 30.000 m²”, diz trecho da denúncia.

MODUS OPERANDI

A promotora narra que, durante as investigações, foi descoberto que exigia propina para que empresas fornecessem ao Governo de Mato Grosso. “A investigação revelou outro modus operandi da organizaçaõ criminal qual seja: a exigência e ou recebimento de vantagem indevida de fornecedores do Estado quer seja para que fossem autorizadas adesões a pregões realizados na SAD, firmados eou mantidos contratos administrativos, respectivos aditivos e, ainda, promover pagamentos”, explica.

Ana Maria Bardusco ainda lamenta o fato do grupo promover desfalques nos cofres do Estado “seja minando a receita tributária ou desviando recursos públicos”

LISTA DE DENUNCIADOS
1 – SILVAL DA CUNHA BARBOSA
2 – PEDRO JAMIL NADAF
3 – MARCEL SOUZA DE CURSI
4 – RODRIGO DA CUNHA BARBOSA
5 – SÍLVIO CEZAR CORREA ARAÚJO
6 – JOSÉ DE JESUS NUNES CORDEIRO
7 – CÉSAR ROBERTO ZÍLIO
8 – PEDRO ELIAS DOMINGOS DE MELLO
9 – FRANCISCO GOMES DE ANDRADE LIMA FILHO (CHICO LIMA)
10 – KARLA CECÍLIA DE OLIVEIRA CINTRA
11 – JOSÉ GERALDO RIVA
12 – TIAGO VIEIRA DE SOUZA DORILEO
13 – FABIO DRUMOND FORMIGA
14 – BRUNO SAMPAIO SALDANHA
15 – WALLACE DOS SANTOS GUIMARÃES
16 – ANTÔNIO RONI DE LIZ
17 – EVANDRO GUSTAVO PONTES DA SILVA

bed7f0c46a5c4a99251b36ef7c8db8c0

 

Fonte Folhamax