Mato Grosso, Quinta-Feira, 23 de Setembro de 2021
Logo Só Informação
Informe Publicitário
DILMAR

Dilmar critica reeleição de Maluf e pode aderir ao “bloco dos nanicos” na disputa pela Mesa Diretora

Marcia Jordan

20/05/2016 às 08:45

Dilmar critica reeleição de Maluf e pode aderir ao “bloco dos nanicos” na disputa pela Mesa Diretora

0fbc39b23fa9107579dbe032d6253d4dO deputado estadual Dilmar Dal Bosco (DEM) criticou a possível candidatura do presidente da Assembleia Guilherme Maluf (PSDB) à reeleição nas eleições previstas para setembro. Segundo ele, o tucano está desrespeitando o acordo firmado em 2015 para garantir alternância no comando do Legislativo.

Dilmar também está analisando a possibilidade de ingressar no bloco dos partidos considerados nanicos que decidiram votar em conjunto nas eleições da Mesa Diretora da Assembleia. O grupo afirma que não pretende lançar candidato à presidência, mas reivindica representatividade nas chapas que estão sendo articuladas.

Sobre a reeleição de Maluf, Dilmar lembra que o acordo firmado em 2015 prevê que o presidente e o primeiro-secretário não seriam candidatos à reeleição. Com isso, outros deputados estaduais poderão assumir a ordenação de despesas na Assembleia, evitando complicações similares às enfrentadas por José Riva, que acabou na cadeia após 20 anos se revezando nos principais cargos do Poder Legislativo.

“Não vejo com bons olhos a reeleição do Guilherme Maluf. O combinado era dar oportunidade para novos deputados assumirem a presidência para ter revezamento. Senão, vamos adotar as mesmas práticas da legislaturas passada. O combinado não custa caro”, declarou Dilmar .

Maluf se lançou à reeleição alegando que o PSDB não pode perder os espaços políticos já conquistados. Já o primeiro-secretário Ondanir Bortolini, o Nininho (PSDB), ainda não definiu se pretende permanecer na Mesa Diretora.

Enquanto isso, o atual vice-presidente Eduardo Botelho (PSB) articula para tentar se viabilizar à presidência. Outro virtual candidato a presidente da Assembleia é o deputado estadual Emanuel Pinheiro.

“Sou simpático a ideia que precisamos eleger um novo presidente. Botelho e Emanuel são bons nomes, mas preciso analisar as propostas de cada um antes de declarar apoio”, completou o democrata.
Nanicos

Apesar de admitir que analisa a possibilidade de aderir ao “bloco dos nanicos” para ganhar força nas eleições da Mesa Diretora, Dilmar faz questão de ressaltar que pertence a base governista e ainda mantém o posicionamento conhecido por todos os deputados estaduais. “Sou da base do Governo. Meu interesse é compor com a base do Governo”, pontua.

O “bloco dos nanicos” é liderado pelo deputado estadual Sebastião Rezende (PSC). O grupo ainda conta com outros quatro parlamentares. A lista inclui Pery Taborelli (PSC), Zé do Pátio (Solidariedade), Wancley Carvalho (PV), e Max Russi (PSB).

A participação de Russi no “bloco dos nanicos” está respaldada por decisão da bancada do PSB. Em reunião, os socialistas liberaram os quatro integrantes para “buscarem seu espaço” nas eleições da Mesa Diretora.

 

 

Fonte Gilberto Leite