Mato Grosso, Terça-Feira, 14 de Julho de 2020
Logo Só Informação
Informe Publicitário
DEIXA A LIDERANÇA

Após intervenção do governador, Dilmar Dal Bosco fica no Democratas

Ele atendeu ao apelo da cúpula e permanece no partido

Da Redação

26/06/2020 às 11:01

Após intervenção do governador, Dilmar Dal Bosco fica no Democratas
Reprodução

Após pedir sua expulsão dos quadros do partido, o deputado Dilmar Dal Bosco foi convencido a ficar no Democratas. As conversas envolveram o governador Mauro Mendes (DEM) e a cúpula da sigla. Após apelo, o deputado confirmou sua permanência no partido, mas deve deixar a liderança do governo na Assembleia Legislativa.

Segundo o ex-governador Julio Campos, vice-presidente do DEM em Mato Grosso, houve uma reunião no gabinete do governador Mauro Mendes na quinta-feira (25), com a presença do presidente estadual da legenda, Fábio Garcia, do senador Jayme Campos e do secretário-chefe da Casa Civil, Mauro Carvalho, para decidir sobre o futuro do deputado. Após o encontro, eles foram até a Assembleia Legislativa convencer Dilmar a ficar no DEM.

Diante do apelo, segundo o ex-governador, Dilmar aceitou permanecer no partido e encerrou o racha que aconteceu na legenda na quarta (24) quando o deputado apresentou carta pedindo sua expulsão da legenda. "Graças a Deus a maior crise que o DEM passou de ontem para hoje está superada e o deputado Dilmar Dal Bosco confirmou que permanece no DEM para ajudar o partido a formar o maior número de prefeitos e vereadores do estado", destacou. 

O presidente do DEM e suplente de senador, Fábio Garcia, confirmou os dois encontros que reuniram nomes de peso do partido, como o governador, o presidente da Assembleia, Eduardo Botelho, e o senador Jayme Campos. No primeiro encontro, acertaram que não aceitariam o pedido de expulsão de Dilmar, por entender que o parlamentar contribuiu muito pelo crescimento do partido em Mato Grosso. 

Também decidiram que fariam um apelo para que o parlamentar ficasse no DEM. "Ele cedeu ao nosso apelo e continuará conosco, filiado ao nosso partido, quero agradecer as diversas mensagens e apelos que recebi para convercer o deputado a permanecer conosco", disse o presidente do democratas em um grupo de Whatsapp com filiados ao partido.