Mato Grosso, Sábado, 30 de Maio de 2020
Logo Só Informação
Informe Publicitário
SINOP

Vacinação contra a gripe será retomada na sexta-feira (03)

A vacinação será das 7h às 18h, sem intervalo para almoço

Da Redação

02/04/2020 às 11:40

Vacinação contra a gripe será retomada na sexta-feira (03)
reprodução

Sexta-feira, 03 de abril, UBS Alto da Glória, América, Boa Esperança, Camping Club, no CIAMS (antiga farmácia regional Jacarandás), Gente Feliz, Joacyr Rodrigues (Vitória Régia), José Ramos (Maria Vindilina 2), Ruy Barbosa (Cidade Jardim), Sabrina, São Francisco e São Cristóvão. Esses são a data e os locais onde estará ocorrendo a vacinação contra a gripe em idosos (60 anos e mais) e trabalhadores da saúde de todos os níveis de complexidade, isto é, desde os da atenção básica até os que atuam nos hospitais públicos e privados. O trabalho será retomado pela Prefeitura de Sinop após recebimento de novo lote com 3,6 mil doses pelo Ministério da Saúde.


Das 7h30 às 11h e das 13h30 às 17h nas UBS são os horários de funcionamento das salas de imunização. No Centro Integrado em Atendimento a Saúde Municipal (Ciams) - antiga farmácia Jacarandás, a vacinação será das 7h às 18h, sem intervalo para almoço. 

Os postos de saúde que foram destinados ao atendimento exclusivo de quadros gripais NÃO ESTARÃO realizando a vacinação, atendendo a estratégia de prevenção aos grupos de risco. São eles: Oliveiras, Ibirapuera, Primaveras, Violetas, Sebastião de Matos, Menino Jesus e Palmeiras. 

 

Secretário de Saúde de Sinop, Kristian Barros lembra que o quantitativo de doses recebidas ainda continua abaixo da demanda da cidade, ou seja, as dez mil doses necessárias para se atingir ao primeiro grupo temático. No entanto, à medida que novos lotes chegam ao município, a Secretaria Municipal de Saúde vai restabelecendo a campanha de imunização.

 

“Nós estamos com uma antecipação da vacinação pelo Ministério da Saúde, devido a todo o quadro do coronavírus. Eles mandaram para a gente uma quantidade de doses reduzidas, que ainda não é suficiente para todos, porém, após o término dessas vacinas, serão enviadas novas remessas. Será uma ação gradativa, antecipatória, para contemplar toda a população que necessita, preferencialmente, os idosos”, explica.

Segundo o Ministério da Saúde, a contra-indicação da vacina é para quem tem alergia severa a ovo. Os demais grupos prioritários também receberão as doses.
 

REPASSE DE VACINAS

A Secretaria de Saúde também realizou o repasse de doses de vacina para o Hospital Regional, Casa de Saúde Indígena (Casai) e UPA.