Mato Grosso, Domingo, 17 de Novembro de 2019
Logo Só Informação
Informe Publicitário
CHEGADA

Chegada de chilenos altera trânsito em BRs

Marcia Jordan

09/06/2014 às 14:38

Chegada de chilenos altera trânsito em BRs

A chegada de milhares de chilenos no Brasil via terrestre deve ser facilitada a partir de alterações no trânsito nas rodovias federais que cortam Mato Grosso. Dois dias antes do jogo entre Chile e Austrália, na próxima sexta-feira (13), em Cuiabá, já começam as restrições. Será proibido, em determinados momentos, o tráfego de veículos pesados nas rodovias de acesso à capital. A previsão é que cerca de 800 veículos que saíram do Chile em direção à capital mato-grossense  comecem a chegar na quarta-feira (11), segundo a Polícia Rodoviária Federal.

Por algumas horas, carretas, caminhões e outros veículos de grande porte estarão impedidos de trafegar por trechos das BRs 163 e 364, entre Campo Grande (MS), Rondonópolis, a 218 km da capital, e Cuiabá. Os torcedores do Chile, que viajam em caravana, passam pela Argentina e entrarão no Brasil através da fronteira com o Paraguai. Em solo brasileiro, eles devem passar por Dourados e Campo Grande até chegarem em Rondonópolis.

O superintendente da PRF do estado, Artur Nogueira, disse que, na quarta-feira, haverá restrições no período de 17h à meia-noite. Já na quinta-feira (12), véspera do jogo em Cuiabá, a restrição começará às 6h e se estenderá até as 12h.

No dia do primeiro jogo na Arena Pantanal, congestionamentos devem ser evitados também no período de 6h ao meio-dia. A partida está marcada para começar às 18h [horário de Mato Grosso] e, nas proximidades do estádio, os torcedores só devem chegar por meio de ônibus coletivos e táxis.

Para evitar caos no trânsito, deverão ser disponibilizadas linhas especiais entre o Aeroporto Marechal Rondon, em Várzea Grande,  região metropolitana da capital, e a Arena Pantanal.

De acordo com o superintendente da PRF, o caminhoneiro que for flagrado tentando transitar pelas rodovias nesses períodos estabelecidos para a entrada dos chilenos deve ser multado. A multa é de R$ 80 e o condutor ainda pode perder quatro pontos na carteira de habilitação.

A maioria dos 23 mil chilenos que devem desembarcar em Cuiabá para assistir ao jogo deverá ficar em acampamentos montados em chácaras nos arredores da capital e de Várzea Grande, na região metropolitana de Cuiabá. Nessas áreas de camping, onde barracas devem ser montadas e os veículos estacionados, cada torcedor deverá desembolsar entre R$ 20 e R$ 30 por dia, como havia informado a Secretaria de Turismo da capital.

G1