Mato Grosso, Quarta-Feira, 13 de Novembro de 2019
Logo Só Informação
Informe Publicitário
TRF

TRF nega habeas corpus e Éder continua preso em Brasília

Marcia Jordan

06/06/2014 às 21:01

TRF nega habeas corpus e Éder continua preso em Brasília

O desembargador do Tribunal Regional Federal, Mário César Ribeiro, acaba de indeferir o pedido de habeas corpus colicitado pelo ex-secretário de Fazenda, Copa e Casa Civil, Éder Moraes Dias. Com a decisão, ele continuará preso no complexo penitenciário da Papuda, em Brasília.

A decisão do magistrado foi tomada às 16h48 – horário de Brasília. Preso no dia 20 do mês passado durante a quinta fase da “Operação Ararath”, Éder Moraes chegou a ser solto na madrugada da sexta-feira passada após decisão do ministro do Supremo Tribunal Federal, Dias Toffolli.

No entanto, já na manhã de sábado, ele acabou sendo reconduzido a carceragem da Polícia Federal, em Brasília. Ele estava em um hotel de luxo no momento da detenção que ocorreu pelo fato do juiz da 5ª Vara Federal em Mato Grosso, Jefferson Schneider, não ter revogado outra prisão que existia contra o ex-homem forte dos governos de Blairo Maggi (PR), atual senador, e Silval Barbosa (PMDB).

Com a decisão de Mário César Ribeiro, a esperança da defesa de Éder Moraes se recai a um pedido no STF que pede que a decisão dada por Dias Toffolli seja “extensiva”. O pedido está nas mãos do ministro Luis Fux, que substitui Toffolli no comando da Ararath e retorna de viagem somente neste sábado.

Éder Moraes é apontado pelo Ministério Público Federal como um dos líderes de um esquema de lavagem de dinheiro público através de empresas de factoring e construtoras. Ele já é réu na Justiça Federal por lavagem de dinheiro e ocultação de bens.