Mato Grosso, Quinta-Feira, 24 de Junho de 2021
Logo Só Informação
Informe Publicitário
CLAÚDIA:

Claúdia: Polícia prende quatro envolvidos em homicídio de sargento da PM

Marcia Jordan

14/10/2016 às 08:14

Claúdia: Polícia prende quatro envolvidos em homicídio de sargento da PM

phpThumb_generated_thumbnailA Polícia Civil confirmou a prisão de quatro pessoas no município de Cláudia pontuadas como autores e co-autores do homicídio que vitimou Gesé da Silva 43 anos e sargento aposentado, Geraldo Zampirollo de 48 anos, além balear um adolescente de 14 anos.

O quinto envolvido e mentor dos homicídios esta sendo procurado por policiais militares e civis dos municípios de Sinop e Cláudia. O homem, ainda não identificado, conseguiu fugir para dentro de uma mata e passa a ser procurado.

Os presos estão na delegacia em Claúdia onde passam a ser ouvidos e só então a investigação vai esclarecer qual seria a participação de cada um, já que nenhum dos presos confirmou que atirou nas vítimas.

 

Aproximadamente 20 policiais fazem parte da operação para tentar prender o quinto homem.

O crime

O duplo homicídio ocorreu na madrugada de ontem quinta-feira (13), em uma área de uma fazenda identificada como Fazenda Andrade próximo ao assentamento conhecido como Zumbi dos Palmares no município de Cláudia (80km de Sinop).

O corpo do sargento foi encontrado fora da residência que seria de dois andares. Zampirollo estava carbonizado e teria sido alvejado por disparos de arma de fogo.

A segunda vítima, o Nego Cigano, teria sido atingido por disparos de arma de fogo e agredido com um pedaço de madeira. Ele tentou ainda se defender, mas não resistiu e morreu no local.

O filho conseguiu fugir mesmo baleado e pediu ajuda em uma residência próximo ao local do crime.
O delegado Joacir Batista esteve no local juntamente com os peritos para verificar a cena do crime. As circunstâncias do duplo assassinato ainda é desconhecida e a motivação passa a ser investigada pela Polícia Civil em Claudia.

Ainda segundo o delegado, os atiradores chegaram na casa se apresentando como policiais, o sargento desceu foi baleado e morreu no local. Já o Nego Cigano e o filho tentaram se esconder momento que os criminosos atearam fogo na casa obrigado pai e filho saírem.

Quando os dois tentaram correr foram alvejados, o Nego Cigano morreu no local e o filho conseguiu fugir. “Estou indo para Sinop onde vou ouvir a versão do menor, concluiu o delegado.

Os corpos foram trazidos para Sinop onde deverá passar por necropsia. As armas estão no município de Cláudia e devem ser encaminhadas para Sinop.

 

 

Fonte Chiquinho Sam