Mato Grosso, Quarta-Feira, 13 de Novembro de 2019
Logo Só Informação
Informe Publicitário
03

03 mortes e 102 notificações confirmadas da H1N1 em Mato Grosso

Marcia Jordan

04/06/2014 às 15:22

03 mortes e 102 notificações confirmadas da H1N1 em Mato Grosso

O último relatório oficial da Secretaria de Estado de Saúde (SES) revela que 102 casos de Influenza A foram notificados em Mato Grosso este ano, sendo 28 positivos, 06 positivo para Influenza B, 02 casos inconclusivos, 20 casos descartados e 45 sob investigação.

Os municípios que tiveram maiores ocorrências do vírus H1N1 foram Cuiabá (09) Várzea Grande (01), Pontes e Lacerda (01), Colíder (01) e Tangará da Serra (01), Alto Araguaia (01), Brasnorte (01), Cáceres (01), Campinápolis (02), Campo Novo dos Parecis (02), Nova Lacerda (01), Paranatinga (01), Primavera do Leste (03), Rondonópolis (02), Rosário Oeste (01).

Os óbitos confirmados por A H1N1 foram três casos, sendo dois em Cuiabá e um caso em Tangará da Serra. A SES ainda investiga três óbitos por gripe, sendo dois em Cuiabá e um em Rondonópolis.

Em 2013 o fechamento das ocorrências por Gripe A/H1N1 em todo o Estado de Mato Grosso foi de 190 casos de gripe, dos quais 15 são positivos para Influenza A H1N1, 15 casos de Influenza B, oito casos de Influenza A H3N2, e nove por Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), dois casos inconclusivos, 116 casos descartados e 25 casos em investigação. O Estado teve 11 óbitos confirmados, sendo cinco por A H1N1 (03 Cuiabá, 01 Sorriso, 01 Rondonópolis), dois por AH3N2 (1 Juara e 01 Campo Novo dos Parecis), um por Influenza B (Cuiabá) e três por Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG).

Segundo a SES a uma dificuldade de oficializar os dados de casos positivos, já que os 141 municípios do estado repassam as notificações quinzenalmente, e se algum caso for confirmado isoladamente, nem sempre chega pontualmente a secretaria.

Já na próxima quinta-feira (5), a SES deverá divulgar um novo relatório com novos dados.

O governo federal prorrogou a campanha nacional de vacinação de combate à gripe em todo país, agora as unidades de saúde disponibilizam as vacinas até o dia 15 de junho. A meta do governo é de que 80% do público alvo seja imunizado, e isso inclui, idosos, gestantes e crianças de até cinco anos de idade. Desde o inicio da campanha mais de 32 milhões de brasileiros já foram vacinados, somente em Cuiabá até o dia 30 de maio mais de 120 mil pessoas receberam a dose da vacina.

O Documento