Mato Grosso, Quinta-Feira, 29 de Julho de 2021
Logo Só Informação
Informe Publicitário
ASSALTANTE

Assaltante morre após troca de tiros com PM em Colíder

Marcia Jordan

13/10/2016 às 07:36

Assaltante morre após troca de tiros com PM em Colíder

Um assalto à residência ontem, em Colíder, terminou com um assaltante morto e um policial e uma mulher baleados. Por pouco o ladrão não matou outro homem que foi feito de refém. Atirou três vezes nele, porém a munição tinha acabado. O fato ocorreu na avenida Dauri Riva, por voltas das 20h, na residência aos fundos de uma conveniência.

Eliana da Silva Lima Pinto, 40 anos e seu filho de apenas 5 anos, tiveram a casa invadida pelo suspeito, que de arma em punho, exigia dinheiro e joias, além da chave do cofre. Um vizinho escutou o ladrão exigindo dinheiro e acionou a Polícia Militar, que cercou a residência.

Os policiais ordenaram ao bandido que se entregasse que a casa estava cercada. Ele desceu do piso superior, fazendo Eliane de escudo e disparou contra os policiais. Na troca de tiros, o soldado Santana se protegeu atrás de uma mesa, porém foi alvejado com um tiro de raspão no braço.

Eliana também foi alvejada, pelo suspeito, na altura do punho. Quando ele tentava sair por uma porta, fazendo a mulher de refém, acabou tropeçando e caindo. Nesse momento, os policiais dispararam contra ele, que mesmo alvejado, conseguiu pular um muro lateral, saindo pelos fundos, onde se deparou com o soldado Rogério Pereira. Uma nova troca de tiros ocorreu.

O acusado fez uma nova vítima, rendendo Manoel Rubens dos Santos, vizinho de Eliana. Chegou a disparar contra o homem mas por sorte, não tinha mais balas. Acabou se rendendo e foi encaminhado ao Hospital Regional pelo Corpo de Bombeiros, assim como as vítimas. O bandido acabou não resistindo e veio a óbito. Ele levou tiro na cabeça, no abdômen e no braço.

Uma ligação anônima recebida pouco depois, informou à polícia que o suspeito estava morando em uma chácara. Nesta residência, os policiais encontraram a identidade do acusado, Vanderlei Nogueira Muniz, 22 anos, e da namorada dele, além de algumas munições. O casal vivia na cidade de Peixoto de Azevedo, antes de vir para Colíder.

A vítima Eliana passou por cirurgia para retirada do projétil e seu estado de saúde é estável.

 

Fonte Angela Fogaça, Nortao Online