Mato Grosso, Domingo, 25 de Julho de 2021
Logo Só Informação
Informe Publicitário
ENERGISA

Energisa investe R$ 2,7 milhões em melhorias no Nortão

Marcia Jordan

08/10/2016 às 07:37

Energisa investe R$ 2,7 milhões em melhorias no Nortão

A linha de alta tensão que vai de Sinop a Feliz Natal está passando por uma grande reforma, para modernização e melhoria da qualidade da energia distribuída aos moradores da região. A obra consiste na substituição dos postes duplos de madeira que compõem a linha por estruturas modernas e resistentes, feitas de concreto. A primeira e mais crítica etapa da obra aconteceu em setembro, após uma semana intensa de obras e a substituição de 168 estruturas. Tudo isso sem que um só cliente tenha ficado sem energia em função da obra.

A Energisa investiu R$ 2,7 milhões na primeira etapa da obra. A segunda e a terceira etapa serão executadas em 2017 e 2018, quando todos os 133 quilômetros de extensão da linha terão apenas estruturas de concreto. Hoje, todos os postes entre Sinop e Santa Carmem já são de concreto. No trecho entre Santa Carmem e Vera são 36%, contra 13% entre Vera e Feliz Natal.

“Não é possível fazer toda a troca de uma só vez, pois a linha é muito extensa. Também não é viável trabalhar com a linha energizada neste caso. Por isso fizemos um planejamento que buscou a realização da obra, que é muito necessária, porém sem desligamentos prolongados de energia”, explica Luciano Vogel, gerente de Manutenção de Subestações e Linhas de Alta Tensão da Energisa Mato Grosso.

Para permitir o trabalho sem interrupção da energia, a distribuidora alugou e instalou em Feliz Natal uma usina térmica com capacidade de 18 MVA, suficiente para atender com folga os clientes da região. Além disso, a empresa usou uma subestação móvel para dar mais segurança à ação. Mais de cem colaboradores da Energisa e de empresas prestadoras de serviço se envolveram nas obras. Com a usina gerando energia em Feliz Natal, foi possível executar todas as substituições desligando apenas o trecho de linha a ser trabalhado em cada momento, sem afetar nenhum cliente.

Histórico – A linha foi construída no fim da década de 1990, com postes de madeira, e energizada em 1999. Até então, a energia elétrica para os municípios de Santa Carmen, Vera e Feliz Natal era fornecida por usinas térmicas, no sistema isolado. Com o passar dos anos, as estruturas de madeira foram se deteriorando e sofreram ataques de insetos, ação de pássaros, queimadas e outros, ficando fragilizadas.

Parte dessas estruturas foi substituída em anos anteriores e, agora, o planejamento para finalizar a renovação da linha já está na programação de investimentos da empresa. Somente em 2016, a previsão da Energisa é de quase R$ 700 milhões em Mato Grosso, em tecnologia, programa de manutenção e novas obras, como o linhão e a subestação recém-energizados em Tapurah, também na região do Nortão.

 

 

 

Fonte folhamax