Mato Grosso, Quarta-Feira, 20 de Novembro de 2019
Logo Só Informação
Informe Publicitário
PILOTOS

Pilotos estão desaparecidos há 2 dias após suposto roubo de avião em MT

Marcia Jordan

22/09/2014 às 10:41

Pilotos estão desaparecidos há 2 dias após suposto roubo de avião em MT

A polícia busca pistas do piloto Evandro Rodrigues de Abreu e o copiloto Rodrigo Frais Agnelli, que estão desaparecidos desde o último sábado (20), após o suposto roubo de uma aeronave da candidata do PSD ao governo do estado, Janete Riva. Eles estavam no aeroporto municipal de Pontes e Lacerda, a 483 km de Cuiabá, aguardando a candidata para seguir rumo à cidade vizinha, Vila Bela da Santíssima Trindade, a 562 km da capital, quando não foram encontrados.

A suspeita é de que os dois tenham sido sequestrados e levados para a Bolívia, junto com a aeronave, modelo King Air, C90GTI, que estava sendo usada pela candidata para percorrer as cidades do interior em busca de apoio. No momento do suposto roubo, Janete seguia para o aeroporto, acompanhada do candidato a senador pela mesma sigla, Rui Prado. Quando eles chegaram a aeronave não estava no local.

Buscas estão sendo feitas na região de fronteira com a Bolívia. Segundo a Polícia Civil, uma equipe foi ao país vizinho atrás de pistas e pedir apoio da polícia boliviana para colaborar com as investigações sobre o caso. A polícia acredita que o avião tenha sido roubado por traficantes para o transporte de drogas.

A Polícia Federal também estaria ajudando nas investigações a pedido de Janete Riva, porém, o G1 tentou entrar em contato com a instituição para obter mais informações, mas a assessoria da PF não atendeu as ligações.

As famílias dos pilotos acompanham as investigações de Cuiabá, onde moram, segundo a assessoria da candidata. Evandro Rodrigues de Abreu possui dois filhos, sendo um adolescente de 14 anos e uma menina de 10. Já Rodrigo é pai de um bebê de pouco mais de um mês.

Evandro é de Juara, a 690 km de Cuiabá, e trabalha com a família Riva há vários anos, enquanto o copiloto é natural do Paraná, mas vive em Cuiabá com a família. Cerca de 15 minutos antes de o avião desaparecer, a equipe que trabalha na campanha da candidata havia entrado em contato com o piloto.

Janete Riva lançou candidatura neste mês após o marido dela, José Riva, do mesmo partido, ter sido impedido pela Justiça Eleitoral de disputar a eleição. Ele é considerado ‘ficha suja’ por responder a mais de 100 processos pelos crimes de improbidade administrativa com dolo e dano ao erário e ter quatro condenações em segunda instância.

Fonte G1