Mato Grosso, Terça-Feira, 19 de Novembro de 2019
Logo Só Informação
Informe Publicitário
APURAÇÃO

Apuração em MT terminará até 22h00 no dia 05 de outubro

Marcia Jordan

08/09/2014 às 16:34

Apuração em MT terminará até 22h00 no dia 05 de outubro

A expectativa do Tribunal Regional de Mato Grosso (TRE-MT) é apurar os votos das 60 zonas eleitorais do estado até as 22h [horário de Mato Grosso] do dia 5 do mês que vem. Nesse horário, os nomes dos candidatos eleitos governador, senador, deputados estaduais e federais deverão ser divulgados pela Justiça Eleitoral. A totalização dos votos pelo TRE-MT será feita no Centro de Eventos do Pantanal, assim como ocorreu nas eleições anteriores no estado.

O resultado da votação dos locais mais distantes e de difícil acesso, como aldeias indígenas, deve ser repassado via satélite para que não ocorra demora na apuração. Os 2.189.703 eleitores dos 141 municípios mato-grossenses terão até as 17h para votar. De acordo com o presidente do TRE-MT, Juvenal Pereira da Silva, o órgão eleitoral já se organizou para que não haja nenhum problema e tumulto no dia da eleição. Inclusive, urnas eletrônicas já começaram a ser distribuídas para os cartórios eleitorais.

Faz parte do planejamento para a eleição coibir a compra de votos por meio do fornecimento de cestas básicas e de vales-combustíveis. “Fizemos um convênio com a Secretaria de Segurança Pública, onde o Gabinete de Gestão Integrada (GGI) desenvolve um trabalho de inteligência para evitar a compra de votos”, informou.

No processo eleitoral deste ano será gasto R$ 12,2 milhões. A maior parte com o aluguel de veículos, material gráfico, locação de prédio para a totalização dos votos, transporte aéreo, manuais e cartilhas, transporte de urnas, linhas de transmissão e filmagem. As despesas com pessoal também estão incluídas.

Um total de 43 mil pessoas devem trabalhar no dia 5 de outubro, entre elas mesários e colaboradores. Destes, 27.100 na função de mesário nos 1.499 locais de votação, sendo que 5.243 como voluntários, segundo o TRE. Quatrocentos locais de votação serão instalados na zona rural. Para os locais de difícil acesso, um técnico do órgão eleitoral irá transmitir via satélite os dados armazeados nas urnas eletrônicas para a central de apuração e totalização dos votos.

Em Mato Grosso, cinco candidatos disputam o governo, enquanto seis a uma vaga no Senado; 336 concorrem as 24 cadeiras de deputado estadual e 113 a 8 vagas da Câmara Federal. Os eleitos serão diplomados pela Justiça Eleitoral no dia 19 de dezembro deste ano, em um evento marcado para as 19h30.

Fonte G1